Deixe um comentário

Reportagem liga depilação pubiana a menor incidência de ‘chato’

Inseto que vive em partes íntimas não é mais tão comum.
Estilo brasileiro de depilação estaria reduzindo seu habitat.

Do G1, em São Paulo
Fêmea de ‘Phthirus pubis’, popularmente conhecido
como chato (Foto: Divulgação/CDC)

Fêmea de 'Phthirus pubis' (Foto: Divulgação/CDC)

Reportagem publicada pela agência americana Bloomberg associa a prática de depilar pelos pubianos, conhecida em alguns países como “Brazilian Wax”, com uma queda na incidência do inseto Phthirus pubis, popularmente conhecido como chato.
O texto cita, por exemplo, que na principal clínica de saúde sexual de Sydney, na Austrália, não aparece um caso de chato em mulheres desde 2008. E, entre os homens, a redução do aparecimento desse parasita foi de 80% em uma década.
“Costumava ser extremamente comum, mas agora raramente é visto”, disse Basil Donovan, um dos médicos desse hospital, recomendando que “sem dúvida, é melhor dar um trato” nos pelos pubianos.
O texto ainda menciona o salão J Sisters, de Nova York, fundado por brasileiras, que teve papel importante na popularização da depilação pubiana. O estabelecimento administrado por Jonice Padilha e suas irmãs Jocely, Janea, Joyce, Juracy, Jussara e Judeseia. Elas começaram a oferecer essa modalidade de depilação ainda nos  anos 90. Atendem cerca de 200 pessoas por dia, entre elas celebridades como a atriz  Sarah Jessica Parker.
“A depilação pubiana levou a uma severa redução das populações de piolhos” afirma o entomologista médico Ian Burgess, da empresa inglesa Insect Research & Development.  “Some-se isso a outros aspectos da depilação de pelos corporais e pode-se ver um desastre ambiental se formando para essa espécie”, disse à Bloomberg.
“A destruição de habitat dos piolhos pubianos é crescente e eles estão se tornando uma espécie em perigo”, concordou Janet Wilson, consultora de saúde sexual e HIV no Reino Unido, que já em 2006 publicou um artigo mostrando o crescimento da depilação à brasileira, em que todos os pelos, com exceção de uma pequena faixa, são removidos.

Detalhe de biquíni durante desfile durante desfile no Mercedes-Benz Fashion Week de Roupas de Banho 2013 em Miami, na Flórida. (Foto: Joe Klamar/AFP) 
Depilação pubiana estaria diminuindo o ‘habitat’ de inseto parasita  (Foto: Joe Klamar/AFP)
  •  

Fonte:http://g1.globo.com

Deixe uma resposta