Deixe um comentário

Pode se depilar durante a gravidez?

Os métodos mais indicados para a depilação das gravidas, são a pinça, a lâmina, a cera, a linha e os depiladores elétricos. A pele fica mais sensível nesse período e se for utilizar a cera, é bom que seja morna. A  cera quente, não é uma boa opção, pois apesar de abrir os poros, e ficar mais fácil de arrancar o pelo, existe o desconforto causado pela temperatura alta
 

O único método depilatório que não é aconselhado pelos médicos nessa fase é o a laser, porque não existem estudos sobre os efeitos de aplicações de laser em gestantes.

São nove meses de mudanças. Enquanto a barriga cresce e o corpo se transforma, internamente um turbilhão de hormônios altera as sensações. “A grávida ganha peso, fica com maior sudorese, pode ter mais inchaço. Há um aumento da vascularização na pélvis que acentua a sensibilidade, diminui a resistência à dor e intensifica as chances de alguma inflamação”, explica Maria Fernanda Gavazzoni, professora do curso de pós-graduação em Dermatologia do Instituto Professor Azulay, na Santa Casa do Rio de Janeiro, em uma reportagem a Ego/Globo.
Como profissional, aconselho que antes de qualquer procedimento , solicitar da gestante um atestado do seu médico, autorizando a depilação. Sabemos que quando se aproxima a hora do parto a futura mamãe vai ficando mais sensível e a depilação sendo feita pouco a pouco vai ajudar bastante, pois quando chegar a hora do parto , terá poucos pelos para serem retirados e causará menos desconforto a gestante.

Deixe uma resposta